Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/03/18 às 10h02 - Atualizado em 28/05/18 às 15h04

Procon divulga pesquisa de preço de material escolar

COMPARTILHAR

 

Os fiscais do Instituto de Defesa do Consumidor do Distrito Federal (Procon-DF) realizaram pesquisa de preço em 41 papelarias do DF, entre os dias 8 e 12 de janeiro. Na ação, servidores do órgão encontraram variações de 327% nos valores totais da lista dos materiais.

 

Os fiscais apresentaram uma lista com 20 itens escolares para pesquisa de preço, comparando o menor valor e o maior valor relativos a cada material da lista. O preço de um apontador (com depósito de um furo), por exemplo, variou de R$ 0,20 a R$ 23,90. A diferença entre valores se repetiu nos principais itens da lista, como caderno, borracha e lápis.

 

A variação do preço da borracha pequena (branca com capa plástica) atingiu 1.700%, de R$ 0,70 a R$ 11,90. Já o preço do lápis preto nº 2 variou de R$ 0,19 a R$ 8,90. O caderno de 10 matérias (capa dura de 200 folhas) pôde ser encontrado com valores entre R$ 5,99 e R$ 48,50.

 

Segundo o diretor de Fiscalização, Nivaldo Sá, a operação do Procon reforça o que o instituto sempre orienta ao consumidor: planejamento e pesquisa. “Se o consumidor fizer uma boa pesquisa de preço, ele consegue gastar em média três vezes menos na lista de material escolar. É o que prova a ação realizada pelo Procon”.

 

Das papelarias que apresentaram todos os itens da lista de material, a mais cara está localizada na Asa Sul, com o valor total da lista em R$ 246,30. Já a mais barata fica em Sobradinho, com a lista somando R$ 75,30.

 

Confira aqui a pesquisa de preço completa.

Instituto de Defesa do Consumidor - Governo de Brasília

PROCON

Venâncio 2000 - Setor Comercial Sul, Quadra 08, Bloco B-60, Sala 240 - Brasilia - DF - CEP: 70.333-900 Telefone: 151